Diretor de "Crepúsculo" diz que Kristen e Pattinson deveriam ser respeitados

Do UOL, em São Paulo

  • Toby Melville/Reuters

    Robert Pattinson e Kristen Stewart na estreia de "A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 1" em Londres (16/11/11)

    Robert Pattinson e Kristen Stewart na estreia de "A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 1" em Londres (16/11/11)

Bill Condon, diretor de “A Saga Crepúsculo: Amanhecer Parte 2”, resolveu quebrar o silêncio sobre o caso da traição de Kristen Stewart com o diretor Rupert Sanders, de "Branca de Neve e o Caçador".

Em entrevista à revista “Entertainment Weekly”, que conta com Robert Pattinson e Kristen Stewart na capa da edição desta semana, o cineasta fala sobre o drama vivido pelo casal e aponta que as pessoas não podem esquecer que eles são dois atores tentando seguir com suas carreiras.

"Os dois deram o coração e a alma para os filmes de ‘Crepúsculo’, não só durante as filmagens, mas ao enfrentarem todo o fenômeno que foi criado pela série”, diz Condon. “Acima de tudo, eles sempre mostraram um grande respeito pelos fãs, que tornaram esses filmes um sucesso. Agora é a hora de devolverem esse respeito”.

Enquanto isso, Pattinson se mantém discreto quanto ao assunto, sendo que sua primeira aparição pública será durante o programa "The Daily Show", apresentado pelo ator e comediante Jon Stewart, na próxima segunda-feira (13) para divulgar o filme "Cosmópolis".

Traição
A revista "US Weekely" publicou, no dia 25 de julho, fotos de Sanders e Stewart em clima de romance. No mesmo dia, a atriz enviou um comunicado se desculpando pelo ato. "Eu sinto muito pela dor e constrangimento que causei àqueles que estão próximos a mim e a todos que foram afetados com isso. Esta indiscrição momentânea comprometeu a coisa mais importante na minha vida, a pessoa que mais amo e respeito, Rob. Eu o amo, eu o amo e sinto muito", disse Stewart.

Sanders também pediu desculpas públicas pouco depois de Stewart. "Estou totalmente abalado com a dor que causei à minha família", disse ele à "People". "Minha linda esposa e meus queridos filhos são tudo que tenho neste mundo. Eu os amo com todo meu coração. Estou orando para que possamos superar isso juntos".

Logo após as primeiras imagens do casal junto, outras fotos vieram à tona e mostraram Stewart e o diretor juntos em maio, durante um jantar íntimo em Berlim. Há relatos de que o caso durou meses.



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos